Wednesday, June 09, 2010

Eu vim para dizer uma palavra

"O meu espírito
é o companheiro que me conforta
quando vou oprimido pelo peso dos dias;
que me consola
quando as amarguras da vida se multiplicam.

Quem não tem no espírito um amigo,
é de todos inimigo.
E quem não tem em si próprio um amigo,
morre em desgraça.

Pois a vida nasce de dentro do Homem,
e não de fora dele.

Eu vim para dizer uma palavra,
e não me calarei.

Se antes de dizê-la me levar a morte,
o futuro a dirá.
Pois o futuro não guarda segredos
no livro do Infinito.

Vim para viver
no esplendor do Amor e na luz da Beleza.

Vejam-me na vida;
não há quem me separe da minha vida.

Se me fecharem os olhos,
escutarei a música do amor
e a melodia da beleza e da alegria.

Se me taparem os ouvidos,
encontrarei o meu deleite
na carícia da brisa onde pairam
o perfume da beleza e os doces suspiros dos amantes.

Se me negarem o ar,
viverei do espírito.
Pois o espírito é filha do amor e da beleza.

Eu vim para estar por tudo e em tudo.

Aquilo que hoje faço sozinho,
será um dia proclamado diante dos povos.

E aquilo que hoje digo com uma só língua,
o amanhã dirá com muitas."

In "Uma Lágrima e um Sorriso"
Khalil Gibran

0 Comments:

Post a Comment

<< Home