Tuesday, July 20, 2010

Salmo 51 - Do mundo do pecado para o reino da graça

"Tem piedade de mim, ó Deus, pelo teu amor!
Pela tua grande compaixão, apaga a minha culpa!
Lava-me da minha injustiça
e purifica-me do meu pecado!

Porque eu reconheço a minha culpa,
e o meu pecado está sempre na minha frente;

pequei contra Ti,
praticando o que é mau aos teus olhos.
Tu és justo, portanto, ao falar,
e, no julgamento, serás o inocente.
Eis que eu nasci na culpa,
e a minha mãe já me concebeu pecador.
Tu amas o coração sincero,
e, no íntimo, ensinas-me a sabedoria.
Purifica-me com o hissopo, e ficarei puro.
Lava-me, e ficarei mais branco do que a neve.
Faz-me ouvir o júbilo e a alegria,
e que se alegrem os osssos que esmagaste.
Esconde dos meus pecados a tua face,
e apaga toda a minha culpa.

Ó Deus, cria em mim um coração puro,
e renova no meu peito um coração firme.
Não me rejeites para longe da tua face,
não retires de mim o teu santo espírito.
Devolve-me o júbilo da tua salvação,
e que um espírito generoso me sustente.
Vou ensinar os teus caminhos aos culpados,
e os pecadores voltarão para Ti.

Livra-me do sangue, ó Deus,
ó Deus, meu salvador!
E a minha língua cantará a tua justiça.
Senhor, abre os meus lábios,
e a minha boca anunciará o teu louvor.
Pois tu não queres sacrifício,
e nenhum holocausto Te agrada.
O meu sacrifício é um espírito contrito.
Um coração contrito e esmagado
Tu não o desprezas.

Favorece Sião, por tua bondade,
reconstrói as muralhas de Jerusalém.
Então aceitarás os sacrifícios rituais,
ofertas totais e holocaustos,
e no teu altar se imolarão novilhos."

0 Comments:

Post a Comment

<< Home