Wednesday, August 11, 2010

Recordando a Profecia Celestina

Estou neste momento a ler a 10ª revelação, passados alguns 15 anos de ter lido a Profecia. Não deve ter sido à toa que não li este logo de seguida, agora estou em condições de o compreender: Não existe dicotomia bem/mal, tudo o que existe é Amor, e o que não é Amor é Medo, e o Medo não é mais do que essa ansiedade de recordar a nossa missão de Vida. A polarização do Medo que assistimos à medida que a humanidade percorre o caminho das nove revelações é a derradeira tentativa de perversão do processo. Depois há as pessoas que incorporam esse medo e o tentam trazer para as nossas vidas, é delas que procurei distanciar-me!

O único caminho é prosseguir guiando-nos pelas nossas intuições/coincidências (que vão sendo cada vez mais sincronas e milagrosas) e com uma fé inabalável. E claro, a melhor forma de sabermos se estamos no nosso caminho é ir verificando que sempre que nos mantemos lá, the universe provides!

Aqui ficam as primeiras nove revelações, para refrescar a memória:

"
1. Estamos redescobrindo que vivemos em um mundo profundamente misterioso, cheio de repentinas coincidências e encontros sincronísticos que parecem do destino.

2. Quanto mais pessoas acordarem para esse mistério, mais poderemos criar uma nova visão mundial - redefinindo o universo como energia sagrada.

3. Nós descobriremos que tudo ao nosso redor, toda matéria, consiste e vem de uma energia divina que estamos começando a entender.

4. Sob esta perspectiva, podemos ver que seres humanos sempre se sentiram inseguros e desconectados da fonte sagrada e também tentamos obter energia dominando um ao outro. Essa é a causa de todo conflito humano.

5. A única solução é cultivar a sua conexão pessoal com o divino, uma transformação mística que nos preenche com energia e amor ilimitado, ampliando nossa percepção de beleza, e nos levando a um maior auto-conhecimento.

6. Com esse conhecimento/percepção, podemos liberar nosso padrão de comportamento controlador, e descobrir uma verdade específica, uma missão, que estamos aqui para compartilhar e que nos ajuda a evoluir a humanidade a este novo nível de realidade.

7. Na busca dessa missão, podemos descobrir uma intuição interior que nos mostra onde ir e o que fazer, e se tivermos interpretações positivas, nossa intuição atrairá um fluxo de coincidências que abre as portas para nossa missão.

8. Quando o número suficiente de pessoas entrar nesse fluxo evolucionário, sempre dando energia ao Eu Superior de todos que conhecermos, construiremos uma nova cultura onde nossos corpos evoluirão a altos níveis de energia e percepção.

9. Dessa forma, participaremos dessa longa jornada da evolução do Big Bang ao nosso propósito de vida: energizar nossos corpos, geração por geração até enxergarmos o céu"

2 Comments:

At 11:30 PM, Blogger RPV said...

Esse livro mudou-me, alterando a minha percepção do Mundo e dos relacionamentos interpessoais. Adquiri um novo conceito de energia e das suas transferências, teoria que nunca mais rejeitei. Já o li à bastante tempo, mas apesar de ainda o ter bem presente, gostava de o reler; algo que não aconteceu antes por tê-lo emprestado, sem que até hoje tivesse hipótese de o recuperar. Agora que está em promoção na Fnac tinha mesmo em mente comprar outro exemplar.
Este comentário foi provavelmente o empurrão decisivo. Só falta incluir a viagem ao Machu Pichu para fazer deste propósito algo ainda mais transcendente :)

 
At 12:16 AM, Blogger Aninhas said...

:-) a mim também, e também gostei do filme, foi uma boa forma de me relembrar, agora a 10ª Revelação «pespegou-se» à minha frente e tive de a ler. Muito Bom!

 

Post a Comment

<< Home