Sunday, October 10, 2010

Preferes ter razão ou ser feliz?

"
GARY: Acho que a maioria de nós diria que preferimos ser felizes, mas agimos como se preferíssemos ter razão.
PURSAH: Exactamente. Parte do engano do ego é que quando as pessoas julgam outras e acreditam que têm razão, por vezes sentem-se temporariamente bem, porque conseguem projectar um bocado da sua culpa inconsciente noutra pessoa. Depois, um par de dias mais tarde, sem saberem porquê a sua culpa inconsciente – de que, mais uma vez, não têm a menor ideia – atinge-as e elas têm um acidente de carro ou magoam-se a si próprias de uma das milhares de formas mais subtis de que dispõem. (...)
GARY: Então, as pessoas julgam, sentem-se bem com isso – ou mal com isso, dependendo de estarem a projectar a sua culpa para fora ou para dentro – e depois castigam-se a si próprias. Pensam que ganharam, mas depois o karma delas atropela-lhes os dogmas.
PURSAH: Estás a progredir muito depressa, mas ainda tens muito que aprender. Lembra-te, o karma é apenas um efeito. Nós vamos mudar a causa. Nós vamos mudar a causa de tudo mudando a mente. O efeito ao nível do físico não é a coisa com que nos devamos preocupar porque não é real. As coisas reais com que te deves preocupar são a paz interior e o regresso ao Céu. No que respeita aos benefícios temporais, iremos tratar dessas coisas quando falarmos sobre a abundância que vem com a oração verdadeira.

(...) Isto é um curso sobre a causa e não sobre o efeito.
(...) Por isso, não procures mudar o mundo, mas escolhe mudar a tua mente no que respeita ao mundo."
In «E o Universo desaparecerá»

1 Comments:

At 2:25 PM, Blogger RPV said...

Não será a razão um termo próprio das ciências exactas? Aplicável a um calculo matemático em que 2 indivíduos obtém valores diferentes, ou ao resultado de determinada reacção química?
Posso não estar no uso da razão quando digo que quase tudo o resto, são decisões pessoais e opções inerentes à forma de ser, mas continuo feliz :) (com ou sem razão)

Quem é melhor politico? Qual o melhor destino de férias? A melhor religião? Tudo depende do prisma através do qual olhamos.

 

Post a Comment

<< Home