Thursday, December 09, 2010

A Economia de Deus

«"O mundo de hoje está cada vez mais consciente de que a solução dos graves problemas nacionais e internacionais não é apenas uma questão económica ou de uma organização jurídica ou social, mas requer valores ético-religiosos específicos, bem como mudanças de mentalidade, de comportamentos e de estruturas." (Centesimus Annus)

(...)

Se, no mundo, as empresas, s carreiras, o mercado, a televisão, a cultura, a vida, tudo parece que está feito ao contrário do que devia, a única coisa que permite tentar entrar neste mundo é a certeza que não sou eu que vou, mas, em mim, vai uma vara de Cristo. A única coisa que permite tentar é a pertença a esta videira. E, nestes dois mil anos, ela tem mostrado que, de uma forma misteriosa, funciona mesmo.

É por isso urgente compreendermos que Deus quer estar presente na nossa economia para aí se fazer sentir tão claramente como nas igrejas, nas famílias ou nos hospitais. E escolheu para essa sua presença um meio muito bem definido: cada um de nós.

A empresa e os negócios têm de ser o local onde a santidade de hoje se pratica, porque é aí que a vida da maior parte das pessoas se desenrola hoje.»

in "A Economia de Deus" de João César das Neves

0 Comments:

Post a Comment

<< Home